21 de dez de 2016

Torneio MLV 2017

Olá Amantes, venho compartilhar com vocês a minha TBR para essa maratona literária de verão.
Para quem não sabe do que se trata ...

A Maratona Literária de Verão 2017, ou TORNEIO MLV, acontece dos dias 7 a 21 de Janeiro e tem como objetivo fazer vocês lerem o máximo de livros que conseguirem no período de duas semanas. Porém, dessa vez, vocês serão divididos em duas equipes: CRUCIO e IMPERIO. Ao longo da maratona, postaremos desafios e apenas UMA equipe será a vencedora.

• Para participar, basta se inscrever no formulário e escolher a sua equipe:https://goo.gl/forms/1eH8FsEBxztZmzB12

Depois de muita indecisão, enfim livros escolhidos!




*Um livro que você prometeu ler em 2016 e ainda não leu:
O Sol é para todos- Harper Lee

*Um livro indicado por um dos canais organizadores da maratona:
A Casa Assombrada- John Boyne

*Um livro com um protagonista LGBT:
Aristóteles e Dante descobrem os segredos do universo - Benjamin Alire Sáenz

*Um livro que você está enrolando pra ler, pois a capa não te atrai:
P.S eu te amo -Cecelia Ahern

*Um livro que você pagou barato ou comprou em uma promoção:
O menino da lista de Schindler -Leon Leyson

*Um livro com apenas uma palavra no título:
Passarinho -Crystal Chan

E só para constar, sou da equipe...



20 de dez de 2016

A Garota do Calendário - Janeiro



Sinopse:


Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil.
Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Sinopse via Skoob

Resenha:


Confesso que já tive muito preconceito com esse tipo de livro , mas depois que me permiti ler alguns,acabei gostando.
Esse é um new adult , com uma leitura super rápida e fluída.
Ouvi falar muito sobre essa série esse ano e fiquei curiosa, então resolvi ler e achei bem interessante.
Para pagar uma dívida do pai, Mia começa a trabalhar como acompanhante de luxo e esse livro conta a primeira experiência que ela teve nesse novo trabalho. Seu primeiro cliente é Wes, um homem lindo, rico (sempre assim né ?rsrs) e que a trata com tanto carinho e respeito que você acaba torcendo para os dois ficarem juntos.
A história não tem nada de excepcional, O final é previsível. Até demais. Mas eu gostei. Ao mesmo tempo em que abre um leque de infinitas possibilidades, ele deixa o leitor com expectativas para o fim da série. Sim, da série, não só para o próximo livro.


21 de jul de 2016

Resenha - Extraordinário




Sinopse:

O livro conta a história de Auggie, um menino que nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial. Em um manifesto em favor da gentileza, ele enfrenta uma missão nada fácil quando começa a frequentar a escola pela primeira vez: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

Sinopse via Skoob

Resenha:

Agora entendo porque esse livro é o queridinho de muitos leitores, que história fantástica. Este é um livro que me fez evoluir como ser humano e ver o mundo de outra maneira.
August Pullman, mais conhecido como Auggie é um garoto de 10 anos, fã de Star Wars que nasceu como uma doença rara que lhe causou uma séria deformidade no rosto.
No começo da história você vê que Auggie é uma criança especial, e no decorrer da leitura você descobre que ele de fato é muito especial, mas não pelo motivo que pensou inicialmente.
Auggie nunca havia frequentado a escola. Sua mãe era responsável por suas aulas mas num determinado momento ela sente a necessidade de que isso mude. E a história se desenvolve a partir da entrada de Auggie na escola.
Adaptar-se à escola, conviver com várias outras crianças não é fácil, e para uma criança com o rosto muito diferente das demais é ainda mais difícil.
A aparência é tão importante para nós e isso está tão entranhado no ser humano que em vários momentos na história vi crianças e adultos sendo extremamente cruéis com menino tão amável e inocente. Em vários momentos Auggie fala de como as pessoas o olham, os comentários que fazem à seu respeito e nesses momentos senti um aperto no coração, porque talvez se eu  estivesse no lugar dessas pessoas teria feito da mesma forma.
A história é narrada em 1ª pessoa e é intercalada entre Auggie, seus familiares e amigos. E isso faz com que tenhamos uma visão ampla do que se passa na cabeça dele e na das pessoas ao seu redor.
Todos os personagens do livro foram muito bem construídos.Os pais dele são incríveis, a irmã mais velha de Auggie (Via) o defende de tudo e de todos , Jack e Summer são amigos que Auggie conquistou e que tornam a história ainda mais especial. E eu não poderia deixar de citar o professor de inglês de Auggie: Sr. Browne. Ele ensinou muito aquelas crianças com seus preceitos durante o ano letivo. Foi indispensável na história.
"Vamos criar uma nova regra de vida... sempre tentar ser um pouco mais gentil que o necessário?"
O livro é de fato extraordinário.
"Toda pessoa deveria ser aplaudida de pé pelo menos uma vez na vida, por que todos nós vencemos o mundo."

26 de abr de 2016

TAG :Doces, Livros & Docinhos



A querida da Cecy (do Mundo literário da Cecy) me convidou para responder essa TAG que eu já gostei só pelo nome rs, e como eu amo doces e amo livros, vamos lá :)


Chocolate 💝
Um livro tão bom, mas tão bom, que você preferiu avançar calmamente na leitura só para aproveitar cada página...


O vendedor de sonhos
Um homem desconhecido tenta salvar da morte um suicida. Ninguém sabe sua origem, seu nome sua história. Proclama aos quatro ventos que a sociedades modernas se converteram num hospício Global. Com uma eloqüência cativante, começa a chamar seguidores para vender sonhos. Ao mesmo tempo em que arrebata as pessoas e as liberta do cárcere da rotina, arruma muitos inimigos. Passei toda a história tentando entender se esse homem era um sábio ou um louco. Esse romance me fez rir, chorar e refletir muito sobre a vida.




Cupcake 🎂
Um livro cuja parte inicial você considera ser a melhor:


Adeus por enquanto.
O livro começa mega interessante,  Sam Elling, um divertido programador do MIT, desenvolve um software que torna-se possível conversar com projeções perfeitas de pessoas queridas que morreram. Fiquei mega curiosa e cheia de expectativas com o desenrolar da história e me decepcionei bastante :/







Bolo 🍰
 Um livro que misturou vários gêneros literários e se tornou uma combinação deliciosa:
Não me lembro de ter lido nenhum livro que misturasse vários gêneros literários, se tiverem sugestões, serão bem vindas :)



Algodão Doce
 Um livro tão doce que enjoa:



Amo romances e não consigo me lembrar de nenhum que tenha me enjoado por ser extremamente doce :D







Jujubas 🍬
Um livro que todo mundo gosta e a leitura atual:

 Extraordinário
É um livro que eu nunca vi alguém falando que não gostou.Confesso que não sei porque ainda não o li, mas comprei esse livro esse mês e essa será uma das minhas próximas leituras.










Atualmente estou lendo Harry Potter e a Pedra Filosofal (acho que nunca é tarde para se tornar uma potterhead, né?). A verdade é que nunca tinha lido nenhum livro e só assisti os três primeiros filmes, mas o submarino fez uma mega promoção de um box muito lindo do Harry Potter nesse mês e eu não resisti e comprei. Estou amando.



Sorvete 🍨
 Um livro suave, com uma narrativa suave e uma escrita suave. Uma leitura suave:


O discípulo da madrugada
Este é um livro ótimo  que me fez refletir muito e que se encaixa perfeitamente nessa categoria de doces.
Sendo cristão/cristã, qual seria a sua reação estando ao lado de Jesus nos momentos mais importantes de sua vida aqui na terra?






Macarons
 Um livro que tomo mundo já leu, menos você:

Triologia Jogos Vorazes
Muito falou-se desses livros, todo mundo já leu e eu comprei esses dias e ainda não comecei a ler.
Percebi que quase não leio distopias e nesse ano tentarei ler algumas e vou começar por essa.





Pipocas 🍚
Um livro que na sua opinião daria um excelente filme:

A garota que você deixou para trás
Amei esse livro e tenho certeza que daria um filme incrível, com cenas de tirar o fôlego e para chorar um pouco também.











Twix, Lion e outras barras de chocolate 🍫

Um livro que trás muito pouco pelo preço que pagou:
Nunca paguei caro em um livro que tenha me decepcionado, os poucos livros pelos quais eu paguei um pouco caro, valeu super a pena :)

Maçã do Amor 🍎
Qual o livro mais romântico da sua estante?

Um amor para recordar
Essa com certeza é a escolha mais difícil dessa TAG, já que esta que vos escreve é uma leitora compulsiva de romances. Mas escolhi  Um amor para recordar porque essa história é simplesmente linda, muito romântica, me fez chorar horrores, é do Nicholas Sparks e eu amo.







REQUISITOS EXTRAS - DOCES PORTUGUESES

 Ovos moles de aveiro
Um livro com uma capa neutra e sem vida, mas cujo interior seja bastante agradável:

P.S. Eu te amo
Eu adoro esse livro, mas acho essa capa tão sem vida.
Essa é uma das histórias de amor que eu mais bonitas que eu já li e esse casal da capa é tão inexpressivo para mim









Pão de Ló
Um livro cuja desilusão foi tanta que custou engolir:


O morro dos ventos uivantes
Este é um livro que eu li pensando que ia amar, porque a história tinha tudo para ser maravilhosa, mas a leitura não fluiu, me esforcei bastante para terminar de ler e não gostei. Realmente foi difícil de engolir :/







Pastel de nata
Um livro pequeno, mas que te diz muito:

O menino do pijama listrado
Este é um dos meus queridinhos, John Boyne conseguiu dizer tanto e de uma forma tão fantástica sobre um assunto tão sério, num livro tão pequeno. Essa história mexeu muito comigo, eu gosto muito de ler livros que contem história de pessoas que viveram num cenário de guerra, mas esta contada sob o ponto de vista de uma criança inocente, tem um lugar muito especial no meu coração.

15 de mar de 2016

Depois de Você




Se você ainda não leu "Como eu era antes de você", sugiro que dê uma olhada na minha  Resenha , leia o livro e depois volte nesse post :)

Sinopse:
Em Depois de você, Lou ainda não superou a perda de Will. Morando em um flat em Londres, ela trabalha como garçonete em um pub no aeroporto. Certo dia, após beber muito, Lou cai do terraço. O terrível acidente a obriga voltar para a casa de sua família, mas também a permite conhecer Sam Fielding, um paramédico cujo trabalho é lidar com a vida e a morte, a única pessoa que parece capaz de compreendê-la.
Ao se recuperar, Lou sabe que precisa dar uma guinada na própria história e acaba entrando para um grupo de terapia de luto. Os membros compartilham sabedoria, risadas, frustrações e biscoitos horrorosos, além de a incentivarem a investir em Sam. Tudo parece começar a se encaixar, quando alguém do passado de Will surge e atrapalha os planos de Lou, levando-a a um futuro totalmente diferente.

Sinopse via Skoob

Resenha:
Esperei ansiosamente por este livro desde que terminei de ler "Como eu era antes de você", livro que me fez  ficar pelo menos duas semanas com DPL(Depressão pós livro). Fiquei com o coração destruído quando Will resolveu suicidar e deixou Lou sozinha e sofrendo (Fiz até uma extensa pesquisa sobre a Dignitas).
Em "Depois de você" Lou está tentando se recuperar e seguir em frente, algo muito difícil quando se perde alguém que tanto amou. Após a morte de Will ela passou um tempo viajando pela Europa, conhecendo pessoas e lugares, buscando uma direção, tentando encontrar seu lugar no mundo.
Quando voltou para a Inglaterra sabia que precisava recomeçar e seguir em frente, só não sabia como...
Você não me deu uma vida, deu? De jeito nenhum. Só acabou com a minha antiga. Desfez em pedacinhos. O que eu faço com o que sobrou?
 Morando sozinha , trabalhando como garçonete, uma vida nada empolgante, mas era o que estava ao alcance dela. Num certo dia ela acaba caindo do terraço, e esse acidente faz com que ela volte para a casa dos pais, onde fica por algum tempo e a faz trazer à tona muitas lembranças.
Nunca se sabe o que vai acontecer quando se cai de uma grande altura.
Ao voltar para o seu flat em Londres, duas pessoas entram na vida de Lou . O paramédico Sam e um outro alguém (que com certeza você ficará tão surpresa quanto eu ao descobrir).
Jojo Moyes é uma das minhas autoras preferidas, e tive medo de me decepcionar com esse livro, mas ela soube desenvolver a história de forma fantástica. Passei a admirar muito a Louisa Clark nesse livro(por mais que ás vezes tenha dado vontade de dar uma sacudida nela pra ver se ela acordava pra vida ), o fato dela se preocupar mais com os outros do que consigo mesma, ajudar as pessoas mesmo que para isso fosse necessário sacrificar seu futuro. A autora não mudou a personalidade dela para que ela conseguisse superar, ela colocou pessoas e criou situações para que isso acontecesse. Lou continuou sendo aquela pessoa insegura, sem grandes ambições, atrapalhada, que tinha uma meia de abelinha, mas as experiências que ela foi vivendo a foi ajudando a cicatrizar as feridas em seu coração.
A única forma de evitar ser deixada para trás era começar a seguir em frente. 
Enfim, amei o livro e fiquei feliz por saber o que aconteceu com Louisa Clark, Depois de ...Will Traynor.

4 de mar de 2016

Destrua esse diário - Parte 1



Um diário costuma servir para anotar ideias, memórias ou registros do cotidiano. Keri Smith, ilustradora e artista canadense, inventou um tipo diferente de diário, que exige do usuário uma interação mais lúdica e inusitada. Com a proposta de estimular a criatividade e questionar convenções sobre a forma como lidamos com os objetos, Destrua este diário nos convida a rasgar páginas, rabiscar, pintar fora das linhas, manchar e até mesmo levar o livro para o banho.
Este foi  o meu primeiro livro interativo e confesso que gostei mais do que imaginei. "Destrua esse diário" fez muito sucesso no ano passado  por ser algo inovador .
Há aqueles que de fato destruíram o diário, levaram as instruções ao pé da letra  e teve quem seguiu as instruções de forma mais "artística".
Segue as imagens de algumas das páginas que eu fiz no meu diário :)












         

26 de fev de 2016

Eu Sou Malala



Sinopse:

Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o preço com a vida. Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram que ela sobreviveria.
Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para as salas das Nações Unidas em Nova York. Aos dezesseis anos, ela se tornou um símbolo global de protesto pacífico e a candidata mais jovem da história a receber o Prêmio Nobel da Paz. Eu sou Malala é a história de uma família exilada pelo terrorismo global, da luta pelo direito à educação feminina e dos obstáculos à valorização da mulher em uma sociedade que valoriza filhos homens. 
O livro acompanha a infância da garota no Paquistão, os primeiros anos de vida escolar, as asperezas da vida numa região marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trevas da vida sob o Talibã. Escrito em parceria com a jornalista britânica Christina Lamb, este livro é uma janela para a singularidade poderosa de uma menina cheia de brio e talento, mas também para um universo religioso e cultural cheio de interdições e particularidades, muitas vezes incompreendido pelo Ocidente. 

Sinopse via Skoob

Resenha:

 Malala Yousafzai. Que pessoa incrível, que história de vida sensacional.
Eu gosto muito de histórias de pessoas que viveram em  meio a  guerras. Acho excepcional ver o ponto de vista de alguém que de repente teve sua vida virada de ponta cabeça, devido a uma guerra que independente dos motivos só traz destruição.
Gostava muito das aulas de história na escola e sempre que o assunto era uma guerra, lembro que pensava nas pessoas que viviam naqueles lugares , ninguém deu a elas a opção de estar ou não em meio a guerra, elas simplesmente viviam num lugar que de um dia para o outro se tornou o palco de uma guerra e elas se vêem obrigadas a tentar fugir ou viver em meio à bobas e tiros, lutando para preservar suas vidas.
Malala uma ativista paquistanesa, em 2009  com apenas 12 anos de idade decide não ficar de braços cruzados durante a ocupação Taliban no vale do Swat. 
Filha de um professor e dono de uma escola para meninas, ela valoriza muito a educação e tinha o sonho de se tornar médica. Num dado momento o Taliban proíbe a educação de meninas (entre outras muitas exigências) e então ela mostra uma maturidade tremenda e decide não se calar diante das opressões.
Malala começou a escrever num blog detalhes sobre o seu cotidiano durante a ocupação Taliban, as tentativas destes em controlar o vale e os seus pontos de vista sobre a promoção da educação.Aos poucos ela foi se tornando cada vez mais conhecida e consequentemente na mira do Taliban.
A história é fantástica, é real , e Malala Yousafzai ganhou o respeito e admiração do mundo todo ( ela até ganhou o prêmio Nobel da paz em 2014, mais do que merecido por sinal).

"Sentar numa cadeira, ler meus livros rodeada pelos meus amigos é um direito meu".


19 de fev de 2016

Músicas no limite da atração


Incrível quando o livro vem cheio de referências musicais \o/



Playlist criada pela autora Katie McGarry:





       CANÇÕES QUE AJUDARAM A DAR FORMA AO TEMA GERAL DA HISTÓRIA

Push – Matchbox Twenty



Bad Romance – Lady Gaga



Use Somebody – Kings of Leon



Scar Tissue – Red Hot Chili Peppers



PARA AJUDAR A COMPOR A PERSONALIDADE DO NOAH, ELA OUVIU:

Down –  Jay Sean



Changes- 2Pac & Talent



Hey Soul Sister – Train



PARA ECHO , ELA OUVIU:

Paint – Roxette



Sometimes Love Just Ain’t Enough – Patty Smyth & Don Henley



The End of the Innocence – Don Henley & Bruce Hornsby



CANÇÕES QUE A AUTORA ESCUTOU PARA CENAS ESPECÍFICAS:

Undone (The sweater song) – Weezer ( para Noah e echo na festa)



Crash Into Me – The Dave Matthews Band ( colocava sempre que precisava escrever uma cena de beijo entre o casal protagonista)



Free – Zac Brown Band ( representa tudo que Echo e Noah tivessem conquistado no fim da história e se você quer saber o que aconteceu no verão)


No Limite da Atração




Sinopse:

Ninguém sabe o que aconteceu na noite em que Echo Emerson, uma das garotas mais populares da escola, se transformou em uma “esquisita” cheia de cicatrizes nos braços e alvo preferencial de fofocas. Nem a própria Echo consegue se lembrar de toda a verdade sobre aquela noite terrível. Ela só gostaria que as coisas voltassem ao normal.
Quando Noah Hutchins, o cara lindo e solitário de jaqueta de couro, entra na vida de Echo, com sua atitude durona e sua surpreendente capacidade de compreendê-la, o mundo dela se modifica de maneiras que ela nunca poderia ter imaginado. Supostamente, eles não têm nada em comum. E, com os segredos que ambos escondem, ficar juntos vai se mostrar uma tarefa extremamente complicada.
Ainda assim, é impossível ignorar a atração entre eles. E Echo vai ter de se perguntar até onde é capaz de ir e o que está disposta a arriscar pelo único cara que pode ensiná-la a amar novamente.
No Limite da Atração é um livro sexy e envolvente sobre o amor de duas pessoas que estão perdidas e que juntas tentam desesperadamente se encontrar.

Sinopse via Skoob

Resenha:

No limite da Atração é um livro extremamente envolvente, com pouquíssimas página lidas  eu já estava completamente apaixonada pela história. Noah é o cara bonito,de poucos amigos, fama de bad boy e Echo é a "ex garota popular" que passou a ser a "garota esquisita" e excluída da escola. As poucos você vai descobrindo acontecimentos do passado deles que explicam perfeitamente suas personalidades. Cada um com seus traumas e cicatrizes e quando a história dos dois se cruzam não tem coração que aguente.Eu devorei esse livro em dois dias porque precisava muito saber o que aconteceria com eles e quais os mistérios do passado da Echo.
Diferente de alguns romances, os personagens tinham problemas reais e nada superficial, então por vários momentos eu estive super angustiada e durante toda a história eu consegui sentir o que os personagens estava sentindo. 
O livro é narrado em primeira pessoa, um capítulo por Noah e outro por Echo e isso faz com que a gente entenda perfeitamente as emoções e atitudes dos dois.
Descobri esse livro muito por acaso e me surpreendi, foi minha melhor leitura desse comecinho de ano. 


No final do livro a autora Katie McGarry faz uma playlist com as músicas que a ajudaram a criar os personagens e a história.Achei muito interessante e para quem gosta de ouvir música enquanto lê, vale a pena dar uma olhada nas últimas páginas do livro antes de inciar a leitura :) .
(Playlist criada pela autora)


Quando terminei de ler, fiquei sabendo que este é o primeiro livro de uma série. Fiquei feliz e preocupada (Com medo de não gostar do que a autora faria com Noah e Echo),mas os dois outros livros contam a história de dois dos coadjuvantes desse primeiro livro.
No limite da ousadia conta a história de Beth Risk, a amiga durona de Noah. Este livro é um spin-off, passando-se no mesmo universo do primeiro, com participações especiais de Isaiah, Noah e Echo. E No limite do Perigo é o terceiro livro da série, conta a história de Rachel Young (Uma personagem nova) e de Isaiah Walker, também amigo de Noah .


Realmente gostei muito de "No limite da atração" e estou bem ansiosa pra ler esses dois livros. Pretendo ler em breve e fazer resenha aqui no blog.
Estou com as expectativas altas  e espero que Katie McGarry não me decepcione rs. 
















10 de fev de 2016

Adeus por enquanto


Sinopse:

A talentosa autora de Atlas do amor inova em seu segundo romance, no qual conta a história do jovem casal que estendeu seu amor para além dos limites da vida. Não é milagre e nem magia, é pura ciência da computação. Graças ao software que Sam Elling, um divertido programador do MIT, desenvolve, torna-se possível conversar com projeções perfeitas de pessoas queridas que morreram. Assim, ele ajuda sua namorada a superar a perda recente da avó, mas não esperava que um dia fosse precisar se tornar usuário de seu próprio programa.

Sinopse via Skoob

Resenha:

"Adeus por enquanto" é um livro sem grandes surpresas (Na verdade sem surpresa nenhuma), a própria sinopse do livro conta de fato tudo que vai acontecer na história e então o leitor não se pergunta "o quê"  e sim "como" . Não vou falar sobre os personagens porque essa é uma das poucas coisas que você ainda tem para descobrir rs.
O livro aborda um tema muito delicado, a morte de pessoas e como seus entes queridos reagem à perda delas. Imagino que para alguém que tenha perdido alguém que amava muito, ler esse livro vá mexer muito com os sentimentos.
A princípio a idéia de um software onde você pode conversar com projeções ou receber email, SMS de pessoas queridas que morreram me pareceu muito estranho e uma forma de intervir no processo natural da morte, mas depois que a leitura começou a fluir fui entendendo como esse programa ajudou as pessoas no processo do luto e como a amizade entre os usuários e os envolvidos com o software os ajudou a enfrentar esse momento tão difícil. Me fez refletir sobre a vida e a morte.
Confesso que abandonei o livro porque estava achando chato e depois me forcei a terminar, e no fim das contas posso dizer que foi melhor do que eu imaginei.


28 de jan de 2016

Adaptações de Livros que vão estrear em 2016

Olá amantes,
Faz parte de nossas vidas de leitores, esperar ansiosamente pelas adaptações de nossos livros amados, embora na maioria das vezes o filme simplesmente destrua a história e a gente sai do cinema arrasado, com o coração despedaçado, sem sentido para viver (Chega né? a ideia do post era deixar vocês animados para assistirem os filmes rs). Decepções à parte, é muito bom ver aquela história que tanto nos envolveu ganhando vida nas telas do cinema.
Então vamos ver o que 2016 nos reserva!



A Escolha (5 de fevereiro)

A adaptação do livro de Nicholas Sparks tem no elenco Benjamin Walker, Teresa Palmer e Tom Welling.
E só pra variar, mais uma adaptação de um livro do meu querido Nicholas Sparks *-*
Esse é um livro que eu ainda não li, mas que está na minha meta de leitura e que com certeza será lido antes do dia 5 de fevereiro.

Como Eu era Antes de Você (4 de março)

A autora do livro, Jojo Moyes, também escreveu o roteiro do filme. O livro ganhou uma sequência, After You, que foi lançado este ano (e que esta que vos escreve está anciosa para ler). Lou Clark e Will serão interpretados por Emilia Clarke e Sam Claflin.




Estou muito ansiosa para assistir esse filme e fiquei animada por saber que a própria autora escreveu o roteiro.

A Garota no Trem (7 de outubro)

Livro de estreia de Paula Hawkins, tem Emily Blunt como a protagonista da adaptação.



Embora não tenha lido esse livro, tenho ouvido muito comentários à respeito e sei que tem muita gente torcendo para chegar outubro bem rapidinho. 


Quem é você Alasca? (sem data de lançamento)

Depois da adaptação de A Culpa é das Estrelas e Cidades de Papel, agora é a vez de Quem é você Alasca? ganhar as telas de cinema. O elenco ainda não foi divulgado, mas o filme terá o mesmo diretor de A Culpa é das Estrelas. 
Confesso que não estou tão ansiosa por esse filme e que abandonei esse livro e até hoje não retomei a leitura. Mas como é um livro do John Green,pretendo dar mais uma chance e terminar de ler :)





10 de jan de 2016

Diário de uma paixão


Sinopse:

Diário de uma Paixão narra o amor entre Allie e Noah, dois jovens que se conhecem quando a moça vai passar o verão em Nova Berna, cidade onde Noah mora. Eles apaixonam-se e vivem um período mágico e sublime.
Entretanto, a família de Allie, de classe alta, é preconceituosa em relação a Noah, de classe mais baixa. Obviamente, o casal não se importa com esse ou qualquer outro fato, mas a mãe de Allie não aceita o romance e está disposta a dificultar as coisas. O verão chega ao fim, e dois jovens de coração partido se despedem, com a promessa de evitar que este amor morra.
Noah escreve para Allie todo mês, durante dois anos, mas nunca recebeu resposta. Decorrem quatorze anos desde a última carta que o rapaz escreveu, e, nesse período, Allie ficou noiva de Lon, que poderia ser o marido perfeito. Às vésperas do casamento, contudo, enquanto conversava com os pais, Allie depara-se com uma reportagem sobre Noah no jornal, e decide procurá-lo, sem que ninguém saiba, descobrindo que ele nunca deixou de ser apaixonado por ela.

Sinopse via Skoob

Resenha:
Essa é uma daquelas histórias de amor que te fazem acreditar que amores verdadeiros existem e que podem ser eternos. Allie e  Noah viveram um amor que foi capaz de superar tudo.
Além da história ser incrível, a forma em que ela é contada é apaixonante.
Noah é um homem extremamente sensível  e romântico e as palavras que ele diz ou escreve para Allie exalam amor.
O livro alterna entre o passado e o presente dos personagens e quando você começa a pensar que essa é só mais uma história de amor, Nicholas Sparsks vem e te surpreende. Esse é um dos poucos livros em que eu não tive vontade de mudar nada na história. Ela é perfeita exatamente como é. 


"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou.Os românticos chamariam isso de uma história de amor, os cínicos diriam que é uma tragédia."



E depois de ler, vale a pena assistir o filme :)






'