9 de fev de 2017

Por Lugares Incríveis


Sinopse:

Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família.


Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.

Sinopse via Skoob

Resenha:

Sabe quando você só ouve críticas positivas sobre um livro e começa a ler com expectativas altíssimas? então, isso aconteceu com esse livro, e para a felicidade dessa que vos escreve essas expectativas foram super atendidas, esse livro é maravilhoso. Esse é o primeiro livro da Jennifer Niven que eu leio e já quero ler tudo que essa mulher já escreveu.
Para quem assim como eu ama uma história dramática, intensa e que te faz refletir sobre a vida, Por lugares incríveis é perfeito.
A autora escreveu sobre um assunto tão delicado como o suicídio, com uma sensibilidade tão grande.
A relação entre Violet e Theodore é maravilhosa, a forma como ambos enfrentam seus problemas, emoções, lembranças e ao mesmo tempo ajudam um ao outro, fez com que eu me envolvesse demais.

Você precisa de um baita tranco, não de um empurrãozinho. Você precisa retomar as rédeas. Ou vai ficar em cima do parapeito que construiu pra si mesma pra sempre.
Além do sentimento dos protagonistas em relação ao suicídio,no decorrer da história Theodore cita alguns dados estatísticos sobre o tema, e tudo isso me fez refletir muito à respeito. Esse é um daqueles livros que quando eu acabo de ler, fico algum tempo olhando para o nada e refletindo sobre a vida.
Enfim, por lugares incríveis é um excelente livro e eu super recomendo.


2 comentários:

Mundo Literário da Cecy disse...

Oi Débora!
Eu amo esse livro. Ano passado ele foi ignorado em uma lista de escolhas para a leitura mensal de um clube de leitura que eu participo, mas, acabei lendo mesmo assim, e não me arrependi. Foi uma das resenhas mais difíceis que já fiz, e um dos livros que mais chorei na vida - se não for o que mais chorei, rs. Finch me conquistou tanto que mais ou menos quinze dias após eu ter lido esse livro, adotei um gatinho e coloquei o nome dele de Finch, rs. Só de lembrar, sinto vontade de chorar! Melhor livro de 2016, sem dúvida!

Beijoooo

Débora Pereira Costa disse...

Eu ouvi falar muito sobre esse livro no ano passado, mas acabei demorando para ler.Também amei esse livro e chorei muito enquanto lia. Fiquei apaixonada pela escrita dessa autora, ela tem uma sensibilidade tão grande.
Que forma linda de homenagear um personagem tão especial Cecy😍.

Postar um comentário

'